full screen background image
rr

Até onde você seria capaz de resistir?

Um evento na infância definiu o que Kat Lane se tornaria quando adulta. Aos 9 anos, bandidos encurralaram ela e o pai, agredindo-os fisicamente. Um homem encapuzado conseguiu tirar Kat do amontoado e mandou que ela corresse. Antes de obedecer ao desconhecido, o seu salvador, Kat fez uma promessa ao pai. Anos depois, ela cumpria, dando aulas de literatura na penitenciaria Arthur Kill.

Durante aqueles dezesseis anos, Kat teve sonhos recorrentes com a noite do assassinato de seu pai. Ela se culpava, e acreditava que poderia ter salvado o pai, se não fosse pelo homem a arrastando dali. E, por coincidência ou não, os pesadelos de Kat param quando ela conhece Wesley Carter, um detento capaz de tirá-la completamente do sério. Carter é rude, sarcástico, e perde o controle facilmente. Por conta de discussões severas provocadas por Carter, ele é proibido de frequentar as aulas de Kat, mas ela sabe que ele precisa daqueles pontos extras se quer alcançar sua liberdade provisória, então propõe lhe dar aulas particulares.

Mesmo que relutante em abaixar a guarda, Carter aceita, sabendo que aquela seria uma ótima oportunidade para irritá-la. Ele só não esperava se sentir tão ansioso em vê-la novamente após cada aula, ela e seu cheiro de pêssego. Kat era uma mulher estonteante, profundamente atrativa e independente. Todos os detentos a secavam com o olhar, mas para Carter era mais; ele a desejava a cada segundo.

Com as aulas, Kat também ficava balançada com as investidas de Carter e seu jeito con
quistador. Mas mais do que isso, Carter se demonstra um aluno empenhado, extremamente inteligente. E quanto mais se aproximam, mais a atração fica impossível de resistir.

Kat perderia seu emprego, e a liberdade de Carter ficaria comprometida. Será que valeria a pena? Será
que eles se importavam?

Ressalto a escrita de Sophie, que é bem perspicaz e agradável. Mesmo nas cenas picantes, que é de se esperar ser repetitivo, ela inova e deixa explícito o amor deles crescendo gradativamente. Foi um dos aspectos pelo qual dei nota 4 pro livro.

A história em si, como podemos imaginar pelo início, vai além da relação do casal. Existem diversos empecilhos que não os permite abraçar o desejo, assim como descobertas que os impulsionam a deixar tudo de lado. Há também personagens secundários importantes, como Eva (mãe de Kat), Beth e Ben (amigos de Kat), e Max e Riley (amigos de Carter).

Até umas 250 páginas, a obra envolve o leitor com ternura, mas depois de um determinado momento, fica bem maçante. É um livro grande pra uma história que podia ser concluída numa quantidade bem menor de páginas. Além disso, os personagens não me cativaram. Eles estavam lá, e o desenrolar era tão previsível que não dava nem vontade de torcer. Já sabia no que tudo ia dar. É um new adult, não dá pra esperar muitas novidades, eu sei, mas só por apostar no presídio já foi algo diferente.

A notícia boa é que, embora seja uma trilogia, cada livro conta a história de um personagem diferente. Nesse primeiro volume, temos os capítulos intercalados entre Carter e Kat na terceira pessoa. No segundo, será sobre Max, e no terceiro, sobre Riley. O livro 1,5 chamado “Eternamente você”, é um conto que ainda fala sobre Carter e Kat, e mostra só mais melação e sexo, então por isso não farei resenha separada. Esse conto foi disponibilizado gratuitamente pela editora Arqueiro em ebook, e cedido em formato físico aos parceiros. Dificilmente vou arriscar ler os próximos volumes, mas pra quem gosta de um bom e velho new adult, pode ir fundo!

 

FICHA TÉCNICA:

Título: Desejo Proibido
Título Original: A Pound of Flesh
Autora: Sophie Jackson
Série: Desejo Proibido – #1
Editora: Arqueiro
Ano: 2015
Páginas: 416
ISBN: 9788580414509



Carolina Rodrigues, 20 anos, mora em Santos e cursa faculdade de Biomedicina. Adora dançar e ir pra praia, mas o que a faz realmente feliz é poder passar um dia inteiro lendo, vendo séries, escrevendo ou ouvindo música.